Carro icónico de Giorgio Gucci em leilão internacional

Responsável por revolucionar o cenário dos carros utilitários, o Mini tornou-se num símbolo de elegância que conquistou personalidades em todo o mundo. Até dia 28 de outubro, um dos mais elegantes exemplares deste modelo, que pertenceu a Giorgio Gucci, sobrinho do fundador da casa Gucci, está em leilão na Catawiki (www.catawiki.pt), portal de leilões na Internet de mais rápido crescimento.


MacOsx:Users:Stefano:Downloads:IMG_0571.JPG  MacOsx:Users:Stefano:Downloads:IMG_0489.JPG


Criada em 1959, pela mão de Alec Issigonis, designer de automóveis inglês, de origem grega, que trabalhou no grupo BMC (MG, Austin, Morris, Austin Healey, entre outros), a marca Mini é famosa por ter mudado a forma como os carros passaram a ser utilizados. Quando lançado, traduziu-se num carro que mudou parâmetros, pela inovação introduzida, mas também pelo estilo e linhas elegantes.


Desde o ano em que foi lançada, a Mini conquistou de imediato utilizadores sofisticados que apreciavam as inovações introduzidas. Mesmo antes de se tornar num carro popular, cativou personalidades em todo o mundo, que solicitavam para si o modelo mais elegante e de melhor performance. Alec Issigonis ofereceu um exemplar a Enzo Ferrari. Personalidades como John Lenon, Paul McCartney, Steve Mc Queen e Peter Seller, conhecido como o Inspetor-Chefe Clouseau da série de filmes ‘A Pantera Cor de Rosa, tiveram também o seu exemplar.


Foram também muitos os estilistas que tiveram o seu Mini, alguns deles personalizados em versões especiais que refletiam as suas personalidades. Uma dessas versões especiais, que pertenceu ao designer de moda Giorgio Gucci, sobrinho de Guccio Gucci, o fundador da famosa casa de moda italiana, está agora em leilão na Catawiki.


Encontrar um Mini como este que pertenceu a uma figura pública traduz-se numa oportunidade bastante rara e única para colecionadores, não sendo fácil realizar a avaliação destes modelos que contam com um relevante significado histórico: ‘O Mini Clubman Saloon em 1980 era já é um modelo bastante diferente por si. Produzido desde 1969, contava com uma frente mais moderna e linhas muito elegantes. Adicionando a isto o facto de ter pertencido à família Gucci, trata-se assim de um exemplar icónico que terá certamente uma grande procura na nossa plataforma’, afirma Alejandro Sánchez, Diretor-Geral da Catawiki em Portugal.


Para fazer a sua licitação deste Mini Clubman Saloon de 1980, personalizado para Giorgio Gucci, com apenas 25.000 quilómetros percorridos, clique em www.catawiki.pt/guccimini